facebook
tweeter
login adm
17/03/2017 - 00:32 H
 

Sem Vitor Hugo, reservas do Palmeiras treinam para corrigir

Sem Vitor Hugo, reservas do Palmeiras treinam para corrigir impedimentos

Titulares permanecem na parte interna da Academia de Futebol. Suspenso, zagueiro faz treino separado mais cedo e é liberado

Sem tempo para descanso, o Palmeiras voltou ao trabalho na tarde desta quinta-feira, um dia após vencer o Jorge Wilstermann por 1 a 0, na arena. Apenas os reservas e atletas não relacionados para a partida válida pela Taça Libertadores da América foram a campo.

A única ausência foi a do zagueiro Vitor Hugo. O defensor, que está suspenso pelos próximos dois jogos do Campeonato Paulista por conta de uma punição do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva), fez um trabalho especial mais cedo e foi liberado à tarde para resolver questões pessoais.

A atividade comandada por Eduardo Baptista foi interessante. O técnico trabalhou para corrigir o excesso de impedimentos da equipe, que ficou evidente no triunfo sobre o time boliviano. A atividade simulava lances com quatro jogadores de ataque e três de defesa, em linha.

Os titulares permaneceram na parte interna da Academia de Futebol para trabalhos regenerativos. Seguem em recuperação no departamento médico o zagueiro Thiago Martins e o meio-campista Moisés.

O último treino aberto à imprensa antes do clássico contra o Santos, domingo, às 18h30 (horário de Brasília), na Vila Belmiro, será realizado na tarde desta sexta. Eduardo Baptista já revelou que há chance de usar força máxima diante do rival, já que a equipe volta a jogar pela Libertadores somente no dia 12 de abril.

No estadual, a situação alviverde também é tranquila. A quatro jogos para o fim da primeira fase, o Palmeiras lidera o Grupo C, com 18 pontos - oito acima do segundo colocado, Novorizontino.

GloboEsporte.com